domingo, 20 de janeiro de 2013

Mais novidades - Grande update!

Olá a todos

Primeiro foto-update do meu blog deste ano. Com novidades fresqunhas de.... (raios, ainda tenho que desenvolver um nome para coisa), bem do meu layout!

Primeiro, gostava de vos mostrar onde faço os meus trabalhos modelisticos: É modesta, mas a pouco e pouco a coisa vai crescendo:


Vamos ao que interessa.
Conforme a última mensagem  estou dedicado a fazer a electrificação do layout, visto que o controlo do mesmo é, neste momento, analógico. Posto, isto, há que cortar carris, fazer os cantões, soldar fios, construir um painel de controlo, etc...

A confusão dos fios,todos eles foram identificados, por forma q que posa desmontar o painel de controlo. Neste momento, apenas os cantões funcionam, faltando colocar uns LED para indicar qual o cantão em funcionamento, e também o motores das agulhas, que apesar dos fios estarem passados, falta efectuar as ligações.

O painel de controlo. O controlo é feito com um Gaugemaster com feedback, colocado numa folha de Evergreen de 1,0mm, e os respectivos interruptores para os cantões e agulhas.

Os comboios já mexem, e está a na altura de planificar o cenário. Como já percebi que para mim é difícil manter-me num único tema, o cenário é da minha inteira imaginação, não sendo baseado em nada, mas apenas em modelos que eu gosto. (vai ser comum andarem comboios japoneses ao lado de suíços e espanhóis... até americanos...)

Assim sendo, aqui ficam alguns dos modelos já montados ou em montagem para a maqueta.

A fábrica da localidade: KIBRI 37724. Vai gerar movimento de minério, e bobines de aço, carvão (para a caldeira que está no "resto do mundo") entre outros produtos...

A estação rural: Vollmer 7521. Ah e tal faz falta uma estação... cá está ela.

A vivenda do dono da fábrica: Vollmer 7762. Uma oferta de Natal.

A cidade (parte antiga) de (inserir nome da maqueta! LOL) estão a ser usados os kits KIBRI 37107 e 37108, com algumas alterações. Os prédio lá atrás são restos de kits da Faller, que foram cortados e eitas as paredes com Evergreen de 1,0mm. os telhados são em resina.

Aqui tenciono fazer a minha primeira experiência com água. Vamos ver...

Uma geral da maqueta.

Espero que as fotos sejam do vosso agrado

Um abraço a todos.

4 comentários:

Carlos Filipe disse...

Os edifícios ajudam a visualizar o que tens em mente. Continuação do bom trabalho, seguirei com gosto.
Carlos

Mário Inácio disse...

Vejo que a "coisa" está a andar. Estás na parte que eu mais gosto. A decisão do planeamento. Bom trabalho. Mário

António José Nogueira disse...

Boa noite. O meu nome é António Nogueira, sou da região de Vila Nova de Gaia. Vejo que está a utilizar motores peco. Também os utilizo. Entretanto "descobri" os PM-1 da Gaugemaster. Já experimentou?
O poliestireno é de facto um material user friendly para trabalhar, mas será que estes últimos motores se fixam com segurança ao poliestireno? (já que não são para fixar diretamente à agulha).
Obrigado e Bom Trabalho.
António

Luis Lopes disse...

Viva.

Neste momento não uso motores PECO, mas sim os mecanismos Bullfrog da Fast Tracks,

No caso de usar os motores PECO, sendo o leito roofmate, os motores seriaram agarrados directamente à agulha. Caso contrário, a base será sempre em contraplacado.

Obrigado pela leitura do meu blog.

Cumprimentos