sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Trabalhos efectuados para um amigo.

Olá a todos.

Estes foram trabalhos efectuados para um amigo, em modelos H0.

Qual é a vossa opinião:

Kits Faller: 
O modelo foi primado com preto, e de seguida dei umas luzes com o branco pergaminho da Vallejo. De seguida, o modelo foi pintado utilizado a técnica do pincel seco com vários tons de castanho, cinzento, metalizados e pretos. O acabamento foi efectuado com washes e pigmentos da Vallejo.



Locotractor ROCO H0e:

O modelo foi primado com um castanho óxido da REVELL (Enamel). Depois de seco utilizei a técnica do sal, o que vai produzir máscaras muito aleatórias. De seguida o modelo foi pintado com o amarelo-limão da Tamiya, não utilando um jacto continuo, mas fazendo vários dispáros de tinta rápidos, com o aerógrafo. Os acabamentos form efectuados com tintas de óleo diluidas em águarraz, pigmentos da vallejo, secos e diluídos em alcool isopropilico. 


O que acham?

Abraços.

domingo, 18 de novembro de 2012

Gorre & Daphetid - John Allen

Olá a todos.

Hoje venho-vos dar a conhecer uma maqueta muito famosa nos EUA, senão a mais famosa de todos os tempos: John Allen's Gorre & Daphetid Railroad.

O plano de vias deste layout.
Quem foi John Allen?
Nascido em 1913, John Allen foi um artista e fotografo profissional, cujas fotografias que ele apresentou em várias revistas sobre modelismo ferroviário até ao inicio de 1970 mostraram o hobbie como um desafio interessante e atractivo, um pouco diferente daquilo que se fazia até então.

John Allen, fotografo profissional descobriu o modelismo ferroviário numa loja em Oakland. Desde aí até 1946, John dedicou-se à construção de modelos em HO no apartamento onde vivia. Nesta data, mudou-se para uma casa com mais algum espaço e dedicou-se à construção do layout que se vê o plano de via em cima: O primeiro Gorre & Daphetid.

Em 1952, consegui mudar-se para uma casa ainda maior, onde escavou uma cave para alojar um layout ainda maior e melhor: o segundo Gorre & Daphetid, onde o primeiro estava incluído.

John era um modelista simples, que gostava dos desafios que o hobby apresenta e da satisfação que nos traz.

Infelizmente, em 1973 John faleceu, vitima de um ataque cardíaco. Por coincidência ou não, duas semanas mais tarde todo o layout desapareces, num incêndio que consumiu a sua casa e o dito layout.

A minha razão para criar este artigo e mostrar aos meus seguidores e leitores é o que o John Allen tentou transmitir: não precisamos do último comando, do modelo com mais funções, ou do layout maior das redondezas, desde que aquilo que estamos a fazer nos dê prazer, mesmo que leve 40 anos a ser construído. Não precisamos que 40 ou 50 agulhas para dizermos que temos um bom layout...Gorre & Daphetid tem 5 agulhas e oferece imenso potencial de operação.

Mais deixemo-nos de tretas e vamos às fotos:







Estas fotos são da construção do layout. O John Allen assentava o carril à mão, e por uma facilidade de colocação do balastro, ele colava esta textura depois de assentar as solipas, mas antes de assentar o carril.

A estação de Gorre. John baseou-se numa estação real para reproduzir o ambiente.
John construiu o layout com a placa giratória fora do circuito e não dentro. Ainda não consegui encontrar a  razão...

O primeiro painel de controlo.

O primeiro já a fazer parte do segundo...
Mais tarde vou mostrar mais algumas coisas sobre este layout.

As fotos foram retiradas do site gdlines.com e são reproduções dos originais cedidas por Keith Beard.

Abraços a todos.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Bancada por medida

Olá a todos.

Uma das maiores dificuldades que a malta dos comboios tem é trabalhar na madeira, para fazer uma estrutura para a maqueta robusta e convincente.

O meu pai, reformado, tem muito tempo livre, e como tal, houve um modelista que nos pediu uma estrutura.

Seguem as fotos:







Caso precisem, fazemos orçamento.

Abraços.

domingo, 11 de novembro de 2012

Nova entrada

Olá a todos.

Nova entrada na colecção, desta fita, mais um modelo Suíço: uma Re460, nas cores originais, mas da Fleischmann (sim, é um molde novo).

Até agora nada a apontar, parece-me um excelente modelo.

Fica a foto:

Abraços a todos.

sábado, 3 de novembro de 2012

Nova aquisição

Olá a todos.

Como sempre foi, um dos cenários que sempre adorei foi o Suíço. Com a abundância de material que existe na Escala N, é fácil reproduzirmos um cenário até bastante credível.

Apesar de estar a apostar nos Japoneses (acabei de encomendar um kit da Greenmax -  Keihin Electric Express Railway Type 1000 4 Car Formation Set), quando tenho hipótese de ficar com uma peça Suíça, nem sequer hesito.

Foi assim que me veio parar às mãos este excelente modelo, uma Re460 da Minitrix. 

É um modelo que sempre gostei, e desta feita, com as cores da PEPSI até fica bastante bonito.

Abraços a todos.