terça-feira, 26 de março de 2013

Então, mas afinal...

Olá a todos.

Pois é... a coisa não está fácil. O que parece simples, afinal é complicado. Desmanchei o que estava a fazer, e recomecei... pela quarta vez!!!

Porquê? Porque percebi que me estava a meter num projecto de difícil conclusão e e não me estava agradar... foi então que me recordei de um artigo que escrevi aqui onde falava de um método usado pelos modelistas norte-americanos: KISS - Keep It Simple, Stupid. Depois, a base que esteva a usar era feita de retalhos, e isso iria provocar estragos a curto prazo, para além de ser muito pesada.

Vamos às fotos:
Da última vez estava assim...

E ao final de duas horas estava assim. (Grande maluco... LoL)

A construção da nova base, agora bem feita em pinho.

O plano em cima da base para ver como ficava. mais uma vez, o plano foi executado no SCARM.

Desta vez vou experimentar uma técnica que o Chris Nevard utiliza nas suas maquetas-: utilizar K-Line como base para o modelo. É leve e resistente q.b. para suportar a decoração. Só espero não me arrepender...

A roadbed da Woodland Scenics colada no sitio. O produto foi reaproveitado na última tentativa de construção.


A linha PECO cód. 55 colocada no local. Tentei ser bastante cuidadoso nas uniões de via. Ainda não coloquei a motorização das agulhas, pois essa será colocada por baixo da superfície e não como da última vez em que fiz um buraco enorme para os motores PL10 da PECO.

Da mesma forma que desfiz, voltei a fazer e eles já andam de novo...

Um abraço.

domingo, 24 de março de 2013

Exposição de Santarém

Olá a todos.

Aqui ficam umas fotos de hoje à tarde, em Santarém

Abraços a todos.
















sábado, 23 de março de 2013

Revista "Model Rail"

Olá a todos.

Tive a oportunidade de receber um exemplar desta revista britância, e devo dizer que estou muito surpreendido com a qualidade da mesma, pela positiva.

A organização da revista está muito bem pensada, em que a publicadade está lá, mas concentrada no fim da revista.
Os artigos com dicas, reportagens a maquetas, reviews de modelos têm imensas fotografias, muitas delas tiradas pelo excelente modelista Chris Nevard

O textos são claros, sucintos e sem muito floreado. Dicas são mais que muitas, bem explicadas, com muitas fotografias.

Estou muito satisfeito.

http://www.facebook.com/modelrail

Para terem uma ideia do que por lá se encontra:




Abraços.

PS : Não se esqueçam da exposição que está a decorrer este fim de semana no quartel dos bombeiros de Santarém.


segunda-feira, 4 de março de 2013

Trabalhos em curso

Olá a todos.

Não tenho apresentado muitos trabalhos aqui na«o blog, pois tenho estado ocupado com isto:


Um amigo pediu-me para fazer alguns trabalhos de montagem e o trabalho na minha maqueta ficou para trás.

No entanto, as coisas foram evoluindo. O painel de controlo está acabado praticamente. Gostava de acrescentar uns LED's para dar a indicação para que lado a agulha está virada, isso sei que posso acrescentar mais tarde.

 Este é o aspecto da coisa. Em analógico já se sabe que os fios, interruptores, soldaduras e alguns palavrões pelo meio fazem parte da coisa.

Entretanto, comcei também as construção de um apeadeiro baseado numa estação no Japão, da linha que eu tanto gosto - Hakone Tozan - que dá pelo nome de Deyama. Esta estção serve de switch-back, para que as automotoras continuem a subida íngreme. Esta estação está localizada a 234m de altura.

 Uma vista da estação.

As fotos dos trabalhos até agora realizados. Comecei por juntar o material, que achei necessário para a construção deste switch back. O cenário japonês é uma novidade para mim, pelo que posso cometer alguns erros. Tenho realizado algumas pesquisas, e reunido algum material fotográfico, mas por vezes o facto de não compreender a língua causa alguns problemas. 

 O material reunido. É impressionante a quantidade de material que se consegue comprar por menos de 10,00€.

O local onde irá crescer a Estação Deyama. Como foi dito anteriormente, esta estação na realidade é um Switchback. No meu layout não será isso. Será apenas uma estação terminal. O modelo é uma automotora TOMIX, série Bellenina 1000.


Sendo uma criação saída da minha "tola" com apoio fotográfico, decidi aproveitar as ideias de alguns mestres modelistas japoneses que retratam esta linha, decidi construir um pequeno cais com a ajuda de um kit da GreenMax e uma folha de Evergreen.

Um "test-fit" ao cais construído. Até agora parece-me bem

Aqui o trabalho já bem evoluído, com a segunda parte do cais a ser construída. E esta parte sim, existe em Deyama. Está a ser construída com Evergreen liso e em V-Groove, e também com a ajuda de uma folha de textura da Greenmax.

E pronto, esta foi a pequena e lenta evolução da minha maqueta nestes últimos dias. Vai indo, devegarinho...

Abraços a todos.