terça-feira, 6 de outubro de 2009

O módulo 1...

Avança. Devagar mas avança.

A vantagem de trabalhar por módulos cada vez mais se mostra. Posso-me dedicar a fundo a este módulo, sem pensar no seguinte, e chegar quase ao fim da decoração deste.

Textura do terreno = Busch 7527
Relva = Mistura de várias tonalidades NOCH, aplicado com GrasMaster
Balastro = Cinzento fino, refª 95650 da gama Woodland Scenics distribuída pela Noch e colado com Scenic Cement, também da mesma marca (excelente produto)
Solipas pintadas a aerógrafo com castanho afinado, e depois a ferrugem pintada com Vallejo 984



As árvores que vão ficar não são estas… Pretendo fazer algumas com o kit de ramos secos da NOCH. Estas foram só para dar algum preenchimento ao cenário, que eram sobras de projecto anteriores.



O maquinista avança depois de o sinal ter passado a verde. São 8h da manhã em Schanielburg, e o VT98 acabou de largar os passageiros que se dirigem aos seus postos de trabalho... A vida continua!...

Os cais foram feitos com perfis de balsa de 2,5mm cortados com 8mm de altura e colados na vertical. Depois enchi o fundo com cartão-maqueta (aquela sanduíche de cartão com espuma no meio) e enchi com gesso até cima. sempre em camadas finas. Quando secou, gravei as pedras que ficam na extermidade pintando-as de branco e o cais de cinzento com um pouco de castanho. Para dar um efeito de velho e sujo, diluí bastante um preto acrilico com água e aplicquei com uma esponja!

Abraço a todos.

6 comentários:

Iberista disse...

Como é que foi feito o terreno? Terra Busch 7527 + a mistura de relva estática a cobrir o primeiro ou cada um para o seu lugar?

E estou a ver que tenho que alterar os meus cais para os de balsa + cartão-pluma (ou cartão-maqueta ou K-line, como também é conhecido). Só que nunca consegui foi encontrar balsa nas medidas que quero! Onde é que há? :(

luis_lopes disse...

Caríssimo,

O terreno deve ser tratado por layers ou camadas. Primeiro o material da Busch e depois a relva estática a cobrir o primeiro.

Desta forma, podemos colocar a cola aleatoriamente, sem no preocupar-mos que poderá ficar um pouco da madeira à mostra.

A balsa comprei-a na Fernandes do Forúm Montijo.

Abraço!

Luis Miguel disse...

Parbéns pela essa magnifica obra que está a nascer .

Abraço


Luis

luis_lopes disse...

Danke schön.

Estou a gostar imenso do aspecto que a coisa está a tomar!

Abraço!

Iberista disse...

Muito bem.
É que o que eu faço/fiz foi pintar o "substracto" em tons acastanhados e depois coloco a erva por cima.
Vou experimentar esta técnica!

Luis Miguel disse...

Ola Luís !

venho agradecer a sua visita e as palavras solidárias para comigo . Alguma evolução no seu módulo ? Eu vou passando e vou vendo !

despeço-me com amizade,

Luis